sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Coitada da pobre, há-de andar com uma infecção urinária daquelas!...




ANTECÂMARA DAS IRRADIAÇÕES


«Foi justamente castigado com dois meses de suspensão o presidente do Benfica por ter dito, a cores e ao vivo, a um dirigente da arbitragem nacional "é uma vergonha, como é que nomeiam este tipo?" referindo-se à actuação, mais do que à nomeação, de um determinado árbitro, cujo nome não vem para o caso, no jogo entre o Benfica e o Vitória de Setúbal a contar para a segunda jornada do campeonato nacional em curso.

O Benfica tinha acabado de empatar na Luz com a valorosa equipa sadina – sobre isso não há dúvidas – e Luís Filipe Vieira, porventura agastado com o facto de o golo dos visitantes ter sido irregular, entendeu pedir satisfações ao responsável da arbitragem que estava mais à mão de semear. Fez mal o presidente do Benfica em dizer o que disse porque sendo presidente não é um adepto comum a quem, como postulou um famosíssimo filósofo cubano, tudo se admite porque o futebol é o ópio do povo.

Estes dois meses de suspensão, decretados em boa e rápida hora pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, vão impedir o presidente do Benfica de sentar-se no "banco" (o que não é seu hábito), de interferir publicamente com opiniões sobre as ocorrências da bola (o que não é seu hábito) e de representar oficialmente o Benfica em cerimónias civis e religiosas (o que também não é seu hábito, graças a Deus).

Assim sendo, está visto que este merecido castigo ao presidente do Benfica – porque se trata de uma punição que nenhum benfiquista com dois dedos de testa se atreverá a contestar – não passa da iminente antecâmara das irradiações que o mesmo fulminante Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol se prepara para decretar em função dos gravíssimos desacatos públicos que responsáveis de agremiações como o popular Canelas, o popular Arouca e ainda outros bem menos populares e bem mais eminentes têm protagonizado em prol da verdade desportiva.

Dizem os jornais que o Benfica vai recorrer da decisão disciplinar que atingiu o seu presidente por ter dito, repita-se as vezes que forem necessárias até fazer jurisprudência, ""é uma vergonha, como é que nomeiam este tipo?". Mas recorrer para quê? Respeitando todas as opiniões, é enorme erro do Benfica contestar a suspensão de Luís Filipe Vieira. São só dois meses, caramba, não é vergonha nenhuma! É apenas o mote para o que vem aí. Ou não é?
(Leonor Pinhão, Floresta de Pernas, in Record)


Do meio das pernas, perdão, da "Floresta de Pernas", Leonor deixou que o fluído excretório resultante da filtragem que os seus deligentes néfrons lhe fazem ao mui poluído e doente plasma, brotasse em catadupa para a página do Record onde procede ordinariamente à sua semanal "micçãozinha"!...

A Leonor desta vez descuidou-se e nem sequer terá cuidado antes, de meter o seu olfacto ao barulho. Se o tivesse feito, certamente que se teria dirigido à sanita lá de casa, poupando os leitores do Record a tão nauseabundo teste!...

Coitada da pobre, há-de andar com uma infecção urinária daquelas!...

Leoninamente,
Até sempre, Sporting Sempre!...

8 comentários:

  1. Contactei com muitas e conheci outras tantas "janadas" com melhor ar do que esta. A natureza não foi pródiga com este espécime.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Provavelmente terá sido num desses contactos que pegou a infecção à senhora.

      Eliminar
  2. Realmente e embora reconhecendo que a senhora não tem culpa de ter uma "fronha assim" (embora julgue que pelo menos um pente...não será ssim tão caro...)...

    Parafraseando Augusto Gil...

    Será droga...será gente...?
    Gente não é concerteza...
    E o alcool não marca assim...!

    SL

    ResponderEliminar
  3. Longa vida para a senhora, mas a verdade é que a imagem parece ter sido retirada de um qualquer obituário. Mas acredito que, até com auxílio do photoshop, seria difícil arranjar melhor.
    Sobre os problemas urino-fecais de que a senhora parece padecer quando gatafunha para o pasquim, não sei, não. Terá sido uma rolha que não aguentou a pressão?

    ResponderEliminar
  4. E esta gente ainda é paga para escrever artigos... Só mesmo em pasquins...

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE