terça-feira, 19 de agosto de 2014

Talvez rebuscando com cuidado na horta de Alcochete !...



Ao que me tem sido possível apurar, ainda teremos que aguentar mais duas semanas competas com a "janela aberta"! Até agora ainda não contraí nenhuma "gripe daquelas"! Apenas ligeiras constipações, alguns resfriados, muitos espirros, farta espectoração, e ligeiras dores de cabeça! 

Mas confesso que estou "deserto" para que esta terrível "espada de Dâmocles" deixe de estar suspensa sobre as nossas cabeças de leões! Mortinho que este "bodo aos pobres" de tão grande cáfila de empresários, fundos, burlões e outros ladrões, feche de uma vez e toda essa ralé vá de férias e cada um possa "botar" contas à sua vida!

Depois de 10 contratações de papel passado e qualquer coisa à volta de 12 milhões de papel gasto, no meu modesto entender, quero aqui confessar que o sorriso que exibo será, neste momento, notoriamente amarelo! E já não haverá tempo nem dinheiro para lhe modificar o desenho. Mesmo que Rojo vá e volte o Nani! Mesmo até que nos apareça um "anderson" qualquer a dizer que é do Sporting desde pequenino, exibindo os cornos de D.Bufas!...

Cá por mim, depois de todas as euforias e de tanto dinheiro gasto, agora que voltei à terra, olho à volta e apenas me vejo rodeado de uma coisa que já me rodeava antes do mercado abrir: A ESPERANÇA DA ACADEMIA !...

Que me desculpe o Presidente, mai-lo Inácio, mas desta vez fico com as mãos no bolso! Não contem com as minhas palmas. Eu sei que comprar melões será sempre uma tarefa difícil e por isso, ordeno aos meus pés que se mantenham quietinhos, nada de pateadas! Mas, francamente, de todos os "melões" que compraram e entre os que já vi abertos, apenas aquele que foi importado, indirectamente, da Catalunha, não me cheirou a pepino e continuo com sérias reservas se será doce suficiente! É certo que ainda haverá dois por abrir e outro que teremos de deixar amadurecer antes, mas, aqui para nós que ninguém nos ouve, terá sido uma safra muito, talvez demasiado, pobre!

Por isso desejo de forma veemente que termine este suplício e fechem de vez o "estupor" da janela! Se tivesse fechado, por exemplo a 15 de Agosto, não se teria perdido nada. Para não ir mais longe e defender o 31 de Julho! Porque, como canta o Quim Barreiros, entrando Agosto com janela fechada e as cortinas corridas, talvez pudessemos ser mais felizes!

E que ninguém me venha pretender convencer ainda, com a beleza da embalagem que estarão a preparar para o "slimoney" e com a genialidade de sua troca por um qualquer "aboubacar" desta vida! Os melões têm o seu tempo para serem apanhados! Quem vai aos restos, nem com os pepinos se costuma safar! 

Agora, Marco Silva, não adianta chorar! Os leõs não choram! Há que aguentar firme, temperar o melhor que pudermos e soubermos a saladinha dos pepinos e, em último recurso, rebuscar com cuidado na horta de Alcochete: pode ser que ainda por lá se encontrem uns tomatitos, umas alfaces, quiçá uns agriões de sequeiro ou umas beldroegas...

Leoninamente,
Até á próxima

Sem comentários:

Enviar um comentário

PUBLICIDADE