terça-feira, 22 de agosto de 2017

Com a inteligência e acutilância que costumam ser seu apanágio!...


UM AZAR NUNCA VEM SÓ

«Jorge Sousa teve azar. Disse aquilo que, acredito, é dito milhares de vezes por árbitros deste país (e não só) e teve o azar de haver um microfone suficientemente perto para apanhar tudo. Mas o problema é capaz de estar nos árbitros que têm a sorte de não haver nenhum microfone por perto. Nestes casos, não há quem valha a um jogador que seja insultado por um árbitro, pois não tem cartões para lhe dar. Por que não ter dar aos capitães de cada equipa a possibilidade de intervir nos relatórios de jogo?

Rui Costa teve azar. O árbitro do Benfica-Belenenses julgou mal o lance entre Eliseu e Diogo Viana, que aconteceu numa zona onde dificilmente seria visto pelos assistentes. A própria posição do corpo dos jogadores tornava também complicada a avaliação do juiz portuense. Rui Costa teve, tudo indica, azar no vídeo-árbitro que lhe calhou. Vasco Santos, com as imagens que o país viu, devia ter dado uma indicação firme de que era lance para vermelho. Rui Costa será penalizado pelo erro. E Vasco Santos? Quanto lhe custará um erro destes?

O VAR tem tido azar. Nem todas as imagens disponíveis permitem a avaliação exacta. O problema é que a colocação das câmaras não depende dos organismos que mandam no futebol em Portugal. A Liga dá recomendações aos clubes sobre os locais onde devem ser colocadas as câmaras e, em todos os estádios, os espaços estão lá. Se o operador televisivo usa ou não esse local, é uma decisão que apenas lhe diz respeito. Para que o VAR funcionasse em pleno, era preciso que também isso fosse concertado com o Conselho de Arbitragem
(Sérgio Krithinas, Bloco Baixo, in Record)


Completamente de acordo com Sérgio Krithinas: um azar nunca vem só! E o mais curioso será a confirmação de também ele se ter deixado arrastar na sua crónica, para o azar! Azar de se ter esquecido que haverá um "operador televisivo" que usa e abusa do facto de ser juíz em causa própria e de se estar "marimbando" para os "espaços que estão lá", no seu estádio, e que apenas usa consoante lhe dá mais proveito. Tenho a certeza de que Sérgio Krithinas, que por sinal até será um jornalista que aprecio, compreenderá perfeitamente a minha mensagem e que um dia destes abordará este tema...

Com a inteligência e acutilância que costumam ser seu apanágio!... 

Leoninamente,
Até à próxima

2 comentários:

  1. Boa noite, ja antes o Vive Sporting aqui teve um link de parceria na divulgaçao de ambos os Blogs.Apos longa ausencia o vive sporting volta e para ficar, se fosse possivel reactivar a partilha nos links agradecia,
    Saudaçoes Leoninas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Satisfeito o pedido do leão "mitaka", com base no seu passado e na esperança de que saiba reencontrar o caminho que já foi seu e que me levou a considerar em tempo a parceria que agora sugere e que, a julgar pelo primeiro post não parece estar a acontecer: a crítica saudável e construtiva será sempre bem vinda, para uma reedição do Correio da Manhã, tenho a certeza de que o Sporting Clube de Portugal de tal não necessita. Fica o alerta, franco e leal de que Leoninamente nunca aqui recomendarei um blog com linha editorial semelhante.
      Saudações Leoninas

      Eliminar

PUBLICIDADE