quarta-feira, 9 de outubro de 2019

Só ele poderá dar a resposta!...




Jesé já terá perdido mais de cinco quilos
Avançado espanhol próximo agora dos índices físicos ideais

Segundo avança hoje o jornal Record, o trabalho extra realizado por Jesé Rodríguez parece finalmente começar a dar os frutos desejados e, neste momento, o atleta começa a apresentar os índices físicos mais próximos dos ideais, o que lhe poderá permitir lutar pela titularidade. O avançado não apresentará ainda o ritmo desejado, problema que eventualmente só poderá vir a ser solucionado depois de somar mais tempo de utilização.

O reforço leonino chegou a Alvalade com excesso de peso, e comprometeu-se a cumprir um rigoroso plano físico e alimentar. No mês passado, o antigo internacional Sub20 espanhol já tinha perdido mais de três quilogramas e nas últimas semanas terá conseguido eliminar mais dois, tendo desta forma entrado no intervalo de peso que é considerado ideal.

O empenho demonstrado pelo atacante, de 26 anos, parece ter deixado os responsáveis leoninos convictos da sua vontade em dar uma volta à sua carreira. O atleta tem realizado todas as refeições na Academia de forma a poder ser mais facilmente controlado pelos nutricionistas, um sacrifício que se terá revelado fundamental para atingir os actuais índices físicos.

O camisola 21 dos leões já foi titular nos jogos com Rio Ave (Taça da Liga) e D. Aves (campeonato), mas ainda nunca completou os 90 minutos. A sua reintegração está a ser feita de uma forma gradual e, frente ao Alverca, é muito provável que o futebolista tenha uma nova oportunidade de alinhar mais minutos.

O último grande desafio de Jésé Rodriguez, cuja promissora carreira parece ter entrado num estranho e arrepiante limbo?!...

Só ele poderá dar a resposta!...

Leoninamente,
Até à próxima

2 comentários:

  1. Caro Álamo:
    Confesso que me causam repulsa os continuados ataques que vejo em alguns blogues supostamente afectos ao nosso Clube, aos atletas que nos representam.
    Penso que, mais que atacarem estes atletas, tentam através desses ataques, atingir a Direcção do Clube, e mais do que tudo, o Presidente.
    Sabe muito bem o Álamo que não votei na lista que venceu (não digo "Frederico Varandas" porque uma lista é um conjunto de pessoas, e não um Presidente apenas).
    No entanto, a partir do momento em que uma lista venceu, passam a ser os nossos dirigentes, até que termine o seu mandato, ou que (esperamos que não) protagonizem actos que conduzam à sua destituição (como infelizmente recentemente aconteceu).
    É assim que funciona a Democracia, mas parece que algumas pessoas no nosso Clube, pensam que a Democracia só funciona se fôr de encontro aos seus desejos.
    Triste sina esta! Por vezes parece que o ataque a Alcochete continua, agora de forma distinta.
    Para mim, a sorte de Jesé Rodriguez, ou de Vietto, ou de Bruno Fernandes ou outro qualquer, será sempre a sorte do Sporting.
    Quanto melhor estiverem, quanto mais apoiados se sentirem, mais renderão.
    Mas, para certas pessoas, até o facto do nosso Clube ser multado por insultos das claques ao próprio Presidente do Clube, em vez de os envergonhar, os alegra.
    Isto leva-me a pensar se a travessia do deserto que temos passado não será, afinal, um bem merecido castigo para muitos dos que, batendo com a mão no peito, e gritando o seu fanatismo, não fazem pior ao Clube do que os adeptos dos nossos rivais.
    Diz o lema da Universidade onde tive a honra de estudar "Omnis Civitas contra se divisa non stabit". É uma frase bíblica (para aqui pouco interessa a origem, só o sentido) que significa "A cidade que vive dividida não sobrevive".
    Mais valia essa rapaziada que assobia e grita obscenidades pensar nesta frase que, da lonjura do passado, nos aponta uma verdade universal.
    Um Abraço grande,
    José Lopes

    José Lopes

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE