terça-feira, 1 de outubro de 2019

Não há mal que sempre dure!...




Jorge Silas: «O mais importante era ganhar. Aproveitámos muita coisa boa que estava feita»
Treinador do Sporting satisfeito com o resultado conquistado na sua estreia

«O mais importante hoje era ganhar. Estamos aqui há dois dias e por isso o mais importante era ganhar. Aproveitámos muita coisa boa que estava feita, implementámos uma ou outra ideia nossa e conseguimos ganhar.
Acho que no futuro vamos jogar muito melhor. Os jogadores estão com muita fadiga, devido aos muitos jogos e jogam quase sempre os mesmos, já que o plantel não é extenso. O importante era ganhar e não sofrer golos. Quando a equipa não sofre golos, a qualidade individual vem ao de cima.»

Agora Jorge Silas deverá apenas preocupar-se em arranjar a maneira de pedir aos seus pupilos mais um pequeno esforço suplementar para, em apenas dois dias, preparar a recepção aos austríacos do Lask na Liga Europa. Será também um jogo para vencer, se não quiser hipotecar todas as esperanças na competição. Depois...

Bem depois, a próximo jogo, só surgirá três semanas mais tarde, também será em Alvalade, para a Liga Europa, com os noruegueses do Rosenborg. E nessas três providenciais semanas de interregno, então sim, terá oportunidade de trabalhar a equipa à sua maneira e apetrechá-la com aqueles atributos que há demasiado tempo tem vindo a deixar pelo caminho, para desespero de todos nós, fervorosos adeptos sportinguistas. 

Não há mal que sempre dure!...

Leoninamente,
Até à próxima

1 comentário:

  1. É isso.
    Tirando o facto de haver um jogo da taça de portugal antes do encontro com o Rosenborg, é qq coisa assim.

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE