terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Caminhando para o Futuro ?!...

O movimento "DAR RUMO AO SPORTING" emitiu neste primeiro dia de 2013, um comunicado em que dá conta dos últimos desenvolvimentos da sua acção. Eis aqui na íntegra, o texto publicado:



DAR RUMO AO SPORTING



Comunicado

O Dar Rumo ao Sporting anuncia que comunicou à Mesa da Assembleia Geral do Sporting Clube de Portugal a intenção de entregar, por fim, o seu requerimento, para a concretização da Assembleia Geral Extraordinária, após a recolha de assinaturas final marcada para 5 de Janeiro. A solicitação deste encontro foi aceite pela Mesa da Assembleia Geral, e o mesmo realizar-se-á na semana subsequente.
Levar-se-á a entrega do requerimento avante mesmo que o valor total de fundos não tenha sido recolhido. Primeiro, pela vontade de não perder mais tempo, e evitar perpetuar um tempo de espera indefinida por algo inevitável e inexorável. Tal adiamento nada traz de benéfico para a vida do Sporting. Segundo, porque o movimento entende que a voz de sócios pagantes de quotas não deve ser silenciada por uma questão de (mais) dinheiro. Todavia a recolha de fundo mantém-se necessária como dantes: se por algum motivo a intenção subscrita pelos Sócios não for aceite pela Mesa da Assembleia Geral sem o financiamento completo, exige-se que não se tenha perdido tempo entretanto em termos de fundos conseguidos; caso a Mesa da Assembleia Geral partilhe da opinião do movimento, e entenda legítimo convocar a Assembleia Geral Extraordinária requerida, todo o dinheiro será devolvido na totalidade a quem contribuiu. Pede-se, por isso, que as contribuições continuem, já que há tudo a ganhar e nada a perder ao fazê-lo.
Face ao anunciado, a participação na última recolha de assinaturas marcada para 5 de Janeiro é crucial para a aceitação deste requerimento (nestes termos) por parte da Mesa da Assembleia Geral. O número de assinaturas recolhidas poderá determinar a legitimação do pedido na circunstância em que o movimento o apresentará. Por isso a cada Sócio apelamos para que dêem nisto a sua voz, firmem a sua vontade, e invistam um último esforço para que a tão desejada Assembleia Geral de concretize o mais rapidamente possível! Estamos à beira de fazer história, sejam parte dela!
Aproveita-se para recordar os sócios subscritores da necessidade de entregar toda a documentação necessária (cópia do Bilhete de Identidade e do Cartão de Sócio), e de ter as quotas actualizadas, para a validação da sua assinatura. Dada a iminência da entrega do requerimento, é urgente que os Sócios subscritores regularizem a sua situação caso ainda não o tenham feito até agora.

Parece irreversível o caminho encetado pelo movimento e que aos sportinguistas será dada a oportunidade de se pronunciarem sobre o futuro do Sporting Clube de Portugal. Por mim, reitero a posição que aqui já expressei: que os sportinguistas afirmem o caminho que pretendem para o futuro do Clube. Porque apenas eles e só eles o poderão fazer. Ninguém mais poderá pretender substituí-los ou falar em seu nome. Cada um de nós terá o legítimo, indiscutível e inalienável direito de julgar boa ou má a oportunidade de iminente Assembleia Geral. Pois que todos estejamos presentes e que triunfe o caminho escolhido pela maioria, seja ele qual for. Tanto poderá ser aprovada como rejeitada a destituição dos actuais Corpos Sociais. E no primeiro caso, os Estatutos estabelecem muito claramente, que até à eleição de novos Corpos Sociais, o poder não cairá na rua, como muitos pretendem fazer crer. O Sporting continuará a ser conduzido por quem o faz neste momento, até ao dia em que entregue o testemunho, de novo, a quem os sportinguistas escolherem. Tudo claro, límpido e transparente. O Sporting é uma instituição laica e apolítica, onde os messias ou os ditadores nunca terão lugar. Apenas aqueles que democratica e estatutariamente os sportinguistas entenderem dever escolher. Assim pudesse acontecer em instâncias bem superiores ao universo leonino. Talvez o bem geral não fosse tão sistematicamente atroplelado!...

Leoninamente,
Até à próxima

Sem comentários:

Enviar um comentário

PUBLICIDADE