terça-feira, 21 de novembro de 2017

Com uma grandessíssima roda de burro!...


Ridículo, embaraçoso, sofrível: o novo programa da BTV devia chamar-se “Vergonha Imensa” 


Vasco Mendonça rebobinou a fita e viu aquilo que não esperava no canal do seu clube: uma réplica de um programa do clube rival


«... Estamos perante uma manobra de diversão, entretenimento do mais alto gabarito. No site oficial do clube, uma notícia remete para o vídeo com a versão completa do programa e a manchete anuncia em maiúsculas “A DENÚNCIA É NOSSO DEVER”. Ó diabo. Então não era E Pluribus Unum? Um pouco por toda a internet, os benfiquistas dividem-se. Ao fim de umas horas, a dúvida permanece: afinal quem é que nos anda a comer de cebolada? Os outros ou os nossos?

Não sei o que fazer para tornar este novo programa da BTV melhor do que é. Talvez se a malta tentasse falar sobre futebol, mas não tenho a certeza. Também não sei se é possível tornar o programa pior, mas acredito que José Marinho está a trabalhar afincadamente para cumprir esse desígnio. Talvez a minha única sugestão fosse mesmo mudar-se o nome da coisa: em vez de Chama, passaríamos a chamar-lhe “Vergonha Imensa”.

É que a única chama que eu vi hoje foi a de um clube inexplicavelmente em auto-imolação, meses após ter conquistado um tetracampeonato.

Resta-me desejar que a memória me traia daqui a alguns anos e eu só me consiga lembrar de contar aos meus filhos, sócios desde o dia em que nasceram, que se sagraram tetracampeões quando ainda não sabiam caminhar e que mais nada interessa acerca desses anos.

Por fim, saibam que existe uma linha telefónica e um email para onde devemos enviar quaisquer denúncias que considerarmos relevantes: chamaimensa@slbenfica.pt. Por isso mesmo, antes de publicar o texto aqui na Tribuna, fiz questão de o partilhar com a nova equipa de investigação do Sport Lisboa e Benfica. Espero que consigam encontrar e punir os responsáveis por aquilo que vi hoje. Pela verdade desportiva: não a dos outros, mas a nossa, com orgulho muito seu.

O Sport Lisboa e Benfica é infinitamente superior a isto. Toda a gente concordará que não sejamos anjinhos, mas não nos façam passar por parvos ao fazer disto o principal tema em vésperas de uma visita ao Porto. E depois, se a coisa der para o torto à chegada ao Dragão, também não digam que isto não foi um comportamento incendiário. 

Quero lá saber se os outros são assim ou se são piores. Ah, e para que a tal memória não nos traia: hoje, pela primeira vez em muito tempo, posso dizer que um funcionário do meu clube superou o presidente do Sporting Clube de Portugal em matéria de rídiculo.»
(Vasco Mendonça,  Um azar do Kraij, in Tribuna Expresso, 21.11.2017 às 09:57)


Estou em crer que não há-de faltar muito para um dia destes o Vasco se ver confrontado pelo "orelhas", com alguma razão dado o estatuto que o tetra oferece...

Com uma grandessíssima roda de burro!...

Leoninamente,
Até à próxima

2 comentários:

  1. Quanto à escala do ridículo... Vou fazer de conta que não percebi...

    Quanto ao resto falta só um pequeno pormenor... BdC PUGNA pela igualdade, honestidade e justiça... Já os escarlates... talvez seja melhor pensar que ainda os há dignos das mesmas qualidades... É que a avaliar pela rama com que tratam o negócio... Parecem TODOS vindos do mesmo buraco... negro e pérfido - enquanto houver quem, no meio disto tudo, continue a vangloriar o t(R)etra campeonato é assim que vou seguindo o meu caminho...

    SAUDAÇÕES LEONINAS

    ResponderEliminar
  2. Eles continuam a reiterar a jactância do tetracampeonato! Abram a pestana: vocês ganharam foi o tretacampeonato!...

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE