sexta-feira, 12 de julho de 2019

" Felizmente há luar" !...



Poiares Maduro espera que expulsão de Bruno de Carvalho seja "fecho de um ciclo" no Sporting

Antigo presidente do Comité de Governação da FIFA e assumido adepto leonino lembra que "o clube é dos sócios e não de um presidente"

Em declarações à margem de um almoço do International Club, em Lisboa, no qual foi o orador convidado, Luís Miguel Poiares Maduro, assumido adepto do Sporting, manifestou esta sexta-feira a expectativa de um futuro mais tranquilo para o clube após a expulsão de sócio de Bruno de Carvalho, reiterando a sua concordância com a decisão de afastar o ex-líder dos 'leões' e considerando-a "inevitável", mas não deixou todavia de expressar tristeza pela situação:

«Espero que seja o fecho de um ciclo que permita aos sportinguistas concentrarem-se no mais importante, que é o Sporting e não o Bruno de Carvalho. O clube é dos sócios e não de um presidente. Espero que isso ajude todos a virar o seu foco para o clube. Continuamos a ser um clube com enormes constrangimentos financeiros e fragilidades ao nível da gestão profissional do clube. [...]

Essa expulsão é consequência das acções do próprio ex-presidente do Sporting. Entristece-me imenso que um sócio do Sporting - e alguém que eu acho que era genuinamente apaixonado pelo clube - tenha de sair. Mas o comportamento que ele teve, em particular em termos de violação grosseira dos estatutos para se tentar manter no poder, foi aquilo que justificou a expulsão. É por isso que eu era favorável à expulsão, com muita pena minha. [...]

É cedo ainda para ver em que é que vai dar a estratégia da actual liderança. Vejo boa vontade neles. Há decisões que suscitam mais dúvidas, mas penso que há muita expectativa relativamente ao que ainda falta fazer. Há muito para fazer no clube em termos de gestão profissional e de capacidade desportiva que o clube tem de conseguir gerar num contexto em que tem menos recursos financeiros do que os seus competidores. [...]

Gostaria de esperar uma época positiva e, como é comum a todos os adeptos do Sporting, nós esperamos sempre uma época positiva, ainda que tudo pareça indicar que não vai ser. Já no ano passado tinha esperança de ganhar o campeonato. Não estamos ainda ao nível dos outros clubes na gestão desportiva e na gestão financeira. Nesta fase, o que posso fazer para potenciar as chances do meu clube ganhar, é apoiar a equipa. E é isso que vou fazer...»

O antigo ministro do governo que antecedeu o actual, criticou ainda as organizações que tutelam o futebol mundial:

«É praticamente impossível que o futebol se consiga reformar a si próprio. Há uma lógica de cartel que não se consegue combater dentro do próprio cartel. Há uma cartelização do sistema, associada uma enorme centralização do poder e sem escrutínio.»

" Felizmente há luar" !...

Leoninamente,
Até à próxima

2 comentários:

  1. Polares Maduro é um tipo como deve ser. Esperto e lúcido. Só podia mesmo ser do Sporting. Nada como andar por outras paragens para exercitar o cérebro e ser reconhecido pelo mérito das nossas capacidades e da nossa visão sobre os problemas. Para quem nunca experimentou viver e trabalhar noutros contextos, só faz é bem. Até para discorrer sobre os clubes e sobre o futebol. No caso de Poiares Maduro, com a autoridade do conhecimento directo dos temas mais relevantes para os clubes e competições.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Absolutamente de acordo! Faz falta a muita gente zarpar do conforto das saias maternas e aprender que o mundo não terá propriamente a forma e a dimensão do nosso umbigo!...

      Eliminar

PUBLICIDADE