quinta-feira, 25 de julho de 2019

Aproxima-se a hora das grandes decisões!...


Por todo o respeito que nos possa merecer o profissionalismo de Radosav Petrovic, que merece, e estarão ainda frescas na nossa memória as imagens do sacrifício que a si próprio impôs no para si famigerado jogo da final da Taça da Liga frente ao FC Porto, a realidade do plantel leonino não se compadece da absoluta incompatibilidade entre as necessidades de uma equipa com a dimensão e ambição do Sporting e o rendimento desportivo que o desempenho que o atleta tem vindo e, naturalmente, continuaria a oferecer, somado à elevada e incomportável carga salarial que representa - o sérvio auferiria até ao final dos dois últimos anos de contrato qualquer coisa como 2,4 milhões de euros.




Petrovic é um dos vários jogadores que continua a treinar-se na Academia do Sporting mas à parte do plantel principal. Sem espaço nas contas de Marcel Keizer e com mais dois anos de contrato, os rumores do mercado dizem que o futebol turco poderá ser a solução onde possa vir a prosseguir a sua carreira profissional. Ao que consta haverá dois clubes que estão interessados em avançar para o médio sérvio e na próxima semana é provável que cheguem a Alvalade propostas concretas a formalizar esses interesses na contratação de Petrovic.

Haverá naturalmente por parte do Sporting, abertura para negociar os direitos económicos do jogador que, recorde-se, custou um milhão de euros quando foi contratado, por expressa imposição de Jorge Jesus, ao Dínamo Kiev no Verão de 2016. E se a prioridade seria reaver esse milhão de euros, os responsáveis leoninos até poderão entender por bem baixar a exigência, tendo em conta a poupança de ordem salarial em que se traduziria uma eventual transferência.

Para Petrovic até que essa forte possibilidade de rumar ao futebol turco seria uma espécie de regresso ao passado, pois o sérvio representou o Gençlerbirligi durante três temporadas (de 2012 a 2015) onde jogou com regularidade antes de ser contratado pelo Dínamo de Kiev.

Aproxima-se a hora das grandes decisões!...

Leoninamente,
Até á próxima

2 comentários:

  1. JJ é (dizem) um treinador excepcional...
    Mas trouxe para o Sporting muito jogador de baixa qualidade (embora excelentes seres humanos...)

    Boa sorte para o Petrovic...

    SL

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE