sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

O primeiro dia do resto da vida do SPORTING !!!...




O primeiro dia

"O Sporting vai finalmente avançar com a auditoria externa à gestão do Clube nos últimos 18 anos. Começa em Janeiro, durará 13 meses e custará cerca de 320 mil euros. Tempo e dinheiro bem gastos. Bruno de Carvalho já veio explicar que não haverá uma caça às bruxas. Procurar responsabilidades pode ter muitos nomes. Aquele que eu gosto mais é “transparência”, desde que conseguida com rigor e respeito pelo direito à defesa.

Porque o contrário da caça às bruxas não é a impunidade. Sabemos uma coisa: o Sporting era um clube rico em património. Hoje é um clube pobre. O seu empobrecimento aconteceu durante o projecto Roquette, que prometia uma gestão moderna e empresarial. É natural querer saber três coisas: o que aconteceu, porque aconteceu e quem foram os responsáveis. As duas primeiras servem para não repetir erros e corrigir o caminho. Só com um conhecimento rigoroso e profundo dos factos o Sporting poderá mudar, de forma fundamentada, práticas erradas. O terceiro, resultando ou não em processos judiciais, tem uma função pedagógica. Quem venha a gerir o clube terá de saber que verá o seu trabalho avaliado. E os sócios terão de acreditar que nem tudo pode acontecer na obscuridade. Serão avaliadas as gestões de Santana Lopes, Roquette, Dias da Cunha, Soares Franco, Bettencourt e Godinho Lopes. É até um acto de justiça, que impede que todos sejam metidos no mesmo saco. E, no futuro, se tal se revelar necessário, cá estaremos para exigir o mesmo à gestão do actual presidente.

Esta auditoria é um momento histórico para o Clube. Porque só depois dela o Sporting poderá virar, realmente, a página. Mudando hábitos, formas de gestão mas também protagonistas. Os internos e, nunca nos devemos esquecer, os externos. Interromper a continuidade da era Roquette foi um primeiro passo para a regeneração do Sporting. As actuais vitórias desportivas têm, para além das alegrias que dão aos sportinguistas, a vantagem de garantir a paz necessária para as reformas indispensáveis. Mas apenas esta auditoria, se for feita com seriedade e profundidade, permitirá que os sportinguistas façam as pazes consigo mesmos e voltem a acreditar nos seus dirigentes. Que 2 de Janeiro de 2014 seja o primeiro dia do resto da vida do Sporting."
(Daniel Oliveira, Verde na bola, in Record) 


Imperdível este artigo de Daniel Oliveira, que há muito nos habituou à extrema e inteligente lucidez com que costuma abordar todos e quaisquer temas ligados à nossa vida colectiva, e muito em particular, aqueles que digam respeito ao seu clube de sempre, o Sporting Clube de Portugal.

Sem que em algum momento o deixe implícito, o pensamento de Daniel Oliveira destrói e pulveriza, toda a argumentação falaciosa com que até no seio do fantástico universo leonino somos por vezes surpreendidos, quando afirma, sem subterfúgios ou outras intenções que não sejam a transparência, que "o contrário da caça às bruxas não é a impunidade" e que será em absoluto natural, pretender saber as razões que conduziram um Clube rico à indigente pobreza com que se debate: "o que aconteceu, porque aconteceu e quem foram os responsáveis"!...

Um momento histórico para o Clube, entende e bem Daniel Oliveira...

O primeiro dia do resto da vida do SPORTING !!!...

Leoninamente, 
Até à próxima

4 comentários:

  1. Esta crónica. é uma que devia obrigatoriamente...ser publicada em todos os Blogs que "se dizem" da defesa dos interesses do Sporting...

    É mais que certo que nem todos terão "a coragem" de o postar, até porque isso...iria desdizer o que já se apressaram a dizer...!!

    Tal como eu sempre entendi, o mais fundamental é saber...:
    Como...
    Porquê...
    E para quê...(ou para quem...tanto faz...)...

    O que é preciso é "arranjar" armas, não de arremesso...mas de defesa, que sirvam para evitar novos rombos...
    O que é preciso...é que todos aqueles que tenham a honra de presidir aos destinos do Leão...
    Saibam que não podem "espalhar" a sua incompetência...apenas para satisfazer os seus egos...ou coisa ainda pior, que eu nem quero acreditar possa ter sido feita deliberadamente...

    O que se pretende...é balizar o presente, para resguardar o futuro...!!

    Sporting Sempre...!!

    SL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comungo inteiramente a sua opinião, amigo Max.

      Abraço e SL

      Eliminar
  2. Mais um excelente artigo de Daniel Oliveira!

    ResponderEliminar

PUBLICIDADE